Como planejar a troca do caminhão? Confira nossas dicas!

7 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Depois de milhares de quilômetros e alguns anos de uso, o fiel companheiro de estrada começa a apresentar sinais de cansaço, não é mesmo? Barulhos, vazamentos e queda no desempenho são alguns indícios de que é hora de adquirir um novo veículo. Mas você sabe como planejar a troca do caminhão?

Neste artigo, você encontrará as principais informações para realizar um bom investimento e continuar garantindo o sucesso no transporte de cargas pelas estradas do Brasil. Confira!

Por que trocar o caminhão? 

Possivelmente, você conhece os prejuízos e os transtornos de um veículo parado na oficina ou na rodovia, mas e as vantagens de um novo veículo? Antes de descobrir como planejar a troca do caminhão, entenda como a aquisição de um modelo recente pode impactar positivamente a sua rotina. 

Redução das manutenções

A maioria das peças dos automóveis tem prazo de validade. A ação do tempo e o desgaste proveniente da utilização exigem que o veículo seja revisado e tenha alguns componentes substituídos nos momentos indicados pelo fabricante ou sempre que ocorrer uma avaria. No caso daqueles fabricados há muitos anos, a situação pode ser grave, dada a dificuldade de encontrar os itens necessários e a necessidade de adoção de medidas paliativas para prolongar a vida útil do caminhão. 

Em médio e longo prazo, as despesas envolvidas nos reparos, somadas ao tempo ocioso do caminhão, podem sair mais caro do que investir em um novo amigo de viagem, sobretudo, quando o valor FIPE do veículo não é mais tão elevado. Além disso, ao investir em um novo caminhão, você contará com a garantia oferecida pela concessionária e ampliará o seu patrimônio. 

Acesso às novas tecnologias

A tecnologia embarcada e os sistemas de telemetria revolucionaram o setor de transportes. Geralmente, quanto mais novo é o caminhão, maior a quantidade de acessórios e dispositivos que facilitam a vida do condutor durante as viagens e manobras. 

Aplicativos de cargas, inclinômetros, computadores de bordo sofisticados e sinalizador de tomada de força são alguns exemplos de inovações disponíveis nos novos caminhões. Além disso, a tecnologia não está limitada aos componentes eletrônicos. Muitos caminhões ganharam melhorias relacionadas à altura de solo, eixos, aerodinâmica e até na vibração das peças. 

Aumento da segurança, do conforto e do desempenho

As montadoras têm se preocupado cada vez mais em disponibilizar veículos aptos a melhorar a qualidade de vida do condutor. A segurança também está sempre em primeiro lugar. Um bom exemplo é a revolução das cabines dos caminhões da Scania. Agora, elas oferecem melhor ergonomia e conforto e enfrentam, com facilidade, ventos contrários e curvas extremas. 

As novas gerações de caminhões são equipadas, por exemplo, com câmeras, sensores, rastreadores e suspensão preparada para trafegar em diversos terrenos sem comprometer a saúde do motorista. Determinados dispositivos, como o ABS e o sistema de distribuição eletrônica de frenagem, reforçam a segurança do condutor e da carga, reduzindo situações de riscos de acidentes. 

Outro ponto importante é a melhoria no desempenho durante o transporte de cargas. Quanto melhor o motor, menor o consumo de combustível, maior o desempenho e melhor a relação custo-benefício. O mesmo ocorre com o câmbio automático que, objetivando as exigências do trabalho, passou a ser mais bem dimensionado. 

Ampliação das possibilidades de trabalho

Em alguns casos, a troca do caminhão pode ser motivada pelo surgimento de novas demandas. Nesse cenário, um veículo novo representa a oportunidade de ampliar o número de fretes e aumentar as distâncias percorridas, assim como de trabalhar com cargas mais pesadas ou volumosas. Afinal, essa é uma ótima maneira de alavancar o negócio. 

Como planejar a troca do caminhão?

Investir em um caminhão requer atenção, já que se trata de uma quantia relevante e que poderá transformar positivamente o rumo do seu empreendimento. Descubra como planejar a troca do caminhão com as dicas a seguir! 

Analise as necessidades de uso 

Existem diversos modelos no mercado, e cada um deles foi projetado para atender a necessidades específicas. Isso significa que o primeiro passo do planejamento é levantar todas as informações relevantes sobre o tipo de carga (peso, volume e formas de acondicionamento) a ser transportada e os possíveis trajetos. Dessa forma, você conseguirá delimitar quais veículos atendem às suas exigências. Feito isso, é interessante considerar também: 

  • reconhecimento da marca;
  • indicadores de segurança e conforto;
  • desempenho e consumo de combustível;
  • custos de revisão, manutenção e seguro;
  • vida útil do veículo. 

Construa um planejamento financeiro

Colocar tudo na ponta do lápis e organizar as finanças é um dos itens mais importantes do planejamento para a troca do caminhão. Analise as despesas fixas e variáveis, verifique o valor disponível para a entrada (ou o pagamento total) do veículo e estabeleça metas para conseguir acumular a quantia necessária caso ainda não a tenha em mãos. 

Na etapa do planejamento, é importante observar:

  • forma de pagamento (consórcio ou financiamento);
  • tempo necessário à aquisição do veículo;
  • valor de mercado do caminhão;
  • valor das parcelas;
  • despesas com manutenção, seguro e documentação. 

Com tudo anotado, você saberá qual a dimensão do investimento e poderá encontrar o melhor custo-benefício. Você descobrirá também como as parcelas impactarão o seu orçamento e quando é o melhor momento para realizar a troca e terá seu poder de barganha aumentado na hora da negociação. 

Faça pesquisas 

Saber como planejar a troca do caminhão significa dedicar-se às pesquisas. Busque por modelos que atendam às suas necessidades e que caibam no seu orçamento. Quanto mais conhecimento acerca do veículo houver, melhor, afinal, ele é o seu instrumento de trabalho e o acompanhará por bons anos. Além de realizar buscas na internet, aproveite para visitar as lojas especializadas e se familiarizar com as possibilidades de negociação. 

Verifique as condições de financiamento

O sucesso do investimento depende da escolha correta da forma de pagamento. Você poderá recorrer a duas possibilidades, caso não seja possível realizar o pagamento à vista: o financiamento e o consórcio. Na primeira, você poderá adquirir o caminhão rapidamente. Entretanto, os juros merecem atenção, pois podem elevar significativamente o montante a ser pago. 

O consórcio, por sua vez, funciona como uma espécie de investimento em longo prazo. Dadas as suas características, ele é uma ótima forma de conquistar o bem. A contratação de um consórcio Scania, por exemplo, oferece diversas vantagens ao caminhoneiro e ao empresário que deseja comprar um caminhão novo ou seminovo. 

Fazer um consórcio com a empresa que é referência em qualidade, transporte inteligente e tecnologia significa ter acesso transparente aos sorteios e às contemplações e garantir diversas vantagens, tais como: 

  • realização de um investimento completamente seguro;
  • inexistência de taxa de adesão e juros;
  • desburocratização;
  • ampliação do poder de compra;
  • facilidade na obtenção de crédito;
  • flexibilidade no pagamento e após a contemplação.

Lembre-se de que é muito importante comprar o caminhão em concessionárias confiáveis e reconhecidas pelo mercado. A empresa deve ser referência em atendimento pós-venda, oferecer as melhores condições de pagamento e ter uma equipe especializada capaz de auxiliar com segurança a tomada de decisão do caminhoneiro. 

Agora que você sabe como planejar a troca do caminhão, entre em contato conosco e confira as melhores soluções!

suvesa mercado shopsPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.