Veja os perigos que o excesso de carga no caminhão pode causar

6 minutos para ler
spotify scania

Investir em uma pequena frota de caminhões é uma atividade que tem proporcionado muito rendimento para diversos indivíduos no Brasil. Isso porque nessa atividade é possível aproveitar as diversas necessidades de transporte presentes no mercado nacional. Dessa forma, podemos encontrar muita demanda de fretes na área de alimentos, produtos eletrodomésticos, insumos agrícolas etc. 

Os empreendedores que preparam suas frotas para atender esse comércio acabam tendo muitas chances de sucesso e crescimento do seu negócio. No entanto, é importante pontuar que, na parte prática da profissão, você deve evitar alguns procedimentos que prejudicam o empreendimento, como é o caso de realizar viagens com excesso de carga no caminhão. Essa atitude, muitas vezes, é tomada visando economizar com custos do transporte, mas pode gerar problemas maiores. 

Para que você tenha uma melhor ideia sobre esse assunto, preparamos este artigo contendo alguns perigos que o exagero de carga pode causar. Continue a leitura e fique por dentro de tudo!

Por que ainda existem caminhões operando com excesso de carga?

Em boa parte dos casos de transportes com excesso de peso, há uma negligência por parte do proprietário do caminhão e/ou da frota quanto aos riscos e danos que essa ação provoca. A esse respeito, muitos acreditam no mito de que quanto maior o volume e peso adicionado ao caminhão, maior será a economia de tempo, bem como maior o ganho produtivo. 

Entretanto, essa atitude é um grave equívoco, pois as chances de ocorrer problemas nas viagens são muito maiores.

Por exemplo, você possui uma pequena frota dispondo de 3 caminhões e recebe uma solicitação para transportar uma quantidade específica de mercadoria. Digamos que essa quantidade daria para ser transportada com segurança utilizando os 3 veículos, mas você decide acumular toda a carga em apenas 2 caminhões. A motivação principal é economizar custos com mão de obra, combustível e demais despesas adicionais.

Podemos salientar que nesse exemplo há diversos imprevistos que podem ser causados devido à atitude irresponsável de exceder o peso de carga ideal, como é o caso da quebra prematura de peças e sistemas mecânicos do veículo. Além disso, aumentam-se as chances de acidentes, o que pode ser fatal para o motorista e os demais condutores. Por conta desses e de outros motivos, esse procedimento é visto como uma atitude irresponsável e negligente. 

Quais os perigos que o excesso de carga no caminhão pode causar?

Agora que você já entende melhor quais são os motivos que fazem os proprietários excederem o valor ideal de carga transportada, é importante comentarmos sobre os perigos e riscos que são potencializados quando essa imprudência é cometida. Veja agora os principais!

Danos à suspensão do caminhão

O primeiro resultado negativo evidenciado ao praticar o transporte com peso excessivo é o desgaste prematuro da suspensão do caminhão. Isso porque esse sistema é responsável por diminuir os impactos gerados pelas irregularidades da estrada. Quanto maior o peso submetido a esse componente, maiores são os impactos, provocados por buracos, frenagens bruscas etc. 

Esses eventos comprometem a vida útil da peça e fazem com que a manutenção ocorra mais cedo. Vale salientar que, além das suspensões do veículo, vários outros componentes e sistemas mecânicos são afetados. O motor, por exemplo, precisa trabalhar em altas rotações para compensar o peso da carga. 

Esse fato acarreta o desgaste de peças do próprio motor. Além disso, afeta a vida útil do sistema de transmissão e as peças do sistema de embreagem. Com essa análise, percebe-se que utilizar o veículo com excesso de peso para economizar com transporte pode acabar, no fim das contas, provocando custos muito maiores com a reparação e manutenção de peças do veículo. 

Risco de tombamento do caminhão

Ao trafegar nas rodovias, não é difícil encontrar caminhões tombados ou vestígios desse tipo de acidente no asfalto. Entre os diversos motivos que contribuem para isso, temos como um dos principais o transporte excessivo de carga. De forma prática, quando um veículo leva uma mercadoria que ultrapassa sua capacidade, o caminhão acaba perdendo um pouco de sua estabilidade. 

Isso dificulta a realização de curvas, bem como a frenagem do veículo, fatores que são potencializadores de acidentes. Somado a isso, o grande peso submetido aos eixos do caminhão acelera o desgaste dos pneus, podendo ocasionar estouros, situação também comum em tombamentos de caminhão

Danos às estradas

Os danos provocados pelo excesso de peso da carga vão muito além dos desgastes no caminhão. Essa atitude gera também danos nas estradas. Nesse caso, temos um problema que é provocado devido à grande frequência de irregularidades.

Ou seja, se temos um trecho de estrada onde não há uma fiscalização efetiva, acaba ocorrendo um fluxo maior de veículos com peso acima do permitido. Dessa forma, com o tempo, começam a aparecer danos e desgastes na superfície do asfalto, como é o caso de buracos e ondulações. Essas irregularidades dificultam o tráfego de veículos e também são um fator que gera acidentes nas rodovias. 

Penalizações

Por fim, devemos falar sobre as penalidades impostas àqueles que são flagrados nos postos de fiscalização transportando mercadorias acima do peso limite estabelecido. Esse tipo de infração está registrada no Código Brasileiro de Trânsito, no artigo 231, inciso V. A penalidade se dá por uma multa no valor de R$ 130,16. Além disso, o infrator ainda corre o risco de ter o seu caminhão retido, bem como de levar quatro pontos na carteira. 

Também é necessário frisar que valores adicionais são taxados a cada 200 gramas que ultrapassarem o valor limite. Por exemplo, até 600 kg cabe um valor de R$ 5,32. Por outro lado, de 601 kg a 800 kg a mais cabe o valor de R$ 10,64. No entanto, há uma tolerância para mercadorias que extrapolarem o valor exigido. Essa taxa corresponde a 5% sobre o peso bruto total. 

Essas foram as principais informações acerca dos perigos que o excesso de carga no caminhão pode causar. Percebe-se que essa irregularidade, embora possa parecer a princípio uma ação que gerará economia no transporte, pode acarretar danos e problemas maiores. Por isso, sempre respeite os limites de volume e peso atribuídos ao transporte de cargas.

Gostou do artigo e deseja acrescentar alguma informação? Então deixe o seu comentário no post!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.