Como planejar o pagamento de impostos do caminhão em 2021?

6 minutos para ler
Powered by Rock Convert

O pagamento de impostos é uma das principais preocupações que qualquer gestor ou proprietário de frota de caminhões deve ter. Deixar de pagar os tributos conforme a legislação poderá trazer muitos problemas legais para o profissional, como o pagamento de multas e juros, a necessidade de responder a processos administrativos ou judiciais, entre outros.

Para que você evite tais contratempos e desenvolva as suas atividades saudavelmente em 2021, elaboramos este conteúdo que solucionará as principais dúvidas sobre o assunto. Aqui, você saberá os principais tributos referentes ao caminhão, como fazer o pagamento de impostos corretamente, os cuidados que devem ser tomados e mais. Confira!

Quais são as principais obrigações referentes ao caminhão?

Neste tópico, estão listados as taxas, os impostos e outras obrigações que devem ser observadas anualmente para que uma frota de caminhões fique regularizada e possa circular normalmente no território brasileiro.

CRLV

O Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) é um documento renovado todo ano pelo proprietário do veículo. Ele é obrigatório e tem a finalidade de comprovar que o bem está nas condições exigidas pelo DETRAN — órgão regulador responsável —, tanto no que diz respeito à segurança quanto no que está relacionado à emissão de ruídos e gases poluentes.

Para obter esse documento, é necessário pagar a Taxa de Renovação do Licenciamento Anual, bem como é importante que o caminhão não tenha bloqueios, dívidas, registros de infrações e outros embaraços. Quanto ao valor, ele é definido pelo DETRAN de cada estado e pode variar conforme cada ano.

IPVA

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é pago anualmente e o valor é definido por cada estado. Na prática, o estado define um percentual — entre 1% e 4% — que será calculado sobre o valor venal do caminhão.

Esse tributo é recolhido no estado de domicílio do proprietário do veículo e a falta de seu pagamento impede que o proprietário emita o licenciamento. O recolhimento desse imposto pode ser feito em qualquer casa lotérica, no portal da Fazenda do estado ou em uma agência bancária autorizada.

DPVAT

Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de vias Terrestres (DPVAT) é um seguro de contratação obrigatória para todos os veículos brasileiros. A sua finalidade é indenizar pessoas que sofreram algum tipo de acidente causado por um veículo. Ele também é obrigatório para que o proprietário emita o licenciamento do caminhão e evite multas.

Multas e inspeções

Por fim, é necessário que o gestor pague multas atrasadas antes de fazer a renovação do licenciamento. Já a inspeção veicular não é obrigatória, mas ainda é importante para verificar as condições de segurança e a quantidade de poluentes que são emitidos pelo caminhão.

Quais são as dicas para fazer o pagamento de impostos?

Para cumprir as obrigações que dizem respeito aos impostos, é importante que o gestor faça um planejamento. Basicamente, ele elabora um plano que permite saber exatamente como pagará os tributos, quando e o que deverá fazer no campo prático.

Estude a legislação

A primeira etapa é conhecer a legislação tributária brasileira. Porém, as normas que tratam sobre o processo de renovação do CRLV e sobre o pagamento do IPVA podem ser diferentes de acordo com cada estado, o que significa que será preciso estudar a legislação do local de domicílio do proprietário.

Conheça os prazos

Se o pagamento das obrigações não for feito dentro do prazo legal, o proprietário arcará com multas e ainda serão aplicados juros de mora sobre o valor. Por isso, é importante conhecer os prazos para o pagamento de cada imposto e para a renovação de documento, bem como garantir que sejam feitos dentro do período estipulado.

Faça cálculos prévios

Geralmente, os proprietários têm vários veículos que precisam ser gerenciados. A maior quantidade de caminhões pode fazer com que os gastos com impostos sejam maiores, o que torna necessário calcular os custos de tributos, documentos, multas e inspeções de cada veículo. O cálculo prévio evita que o proprietário não tenha recursos suficientes para arcar com as obrigações.

Colete os dados

Reúna-se com a sua equipe de contabilidade e com o administrativo para coletar algumas informações sobre os veículos no que diz respeito aos tributos, como:

  • após a inspeção, quais veículos precisam de manutenções com mais frequência para que atendam às normas de segurança e aos requisitos para a redução de emissão de poluentes;
  • quais veículos têm maiores custos com IPVA;
  • quais caminhões têm mais multas.

Com esses dados, você poderá identificar quais apresentam problemas com mais frequência ou têm muitos gastos com tributos. Se um caminhão for muito oneroso, por exemplo, o proprietário deve estudar a viabilidade de trocá-lo.

Analise a natureza do tributo

É importante conhecer a natureza ou o tipo de cada tributo para entender como eles funcionam. Os principais tipos de tributos são:

  • imposto: o seu valor não tem uma destinação específica e pode ser usado para bancar diferentes gastos públicos — como educação, reformas, obras etc. Para caminhões, ele consiste no IPVA;
  • taxas: têm a finalidade de arcar com um serviço público específico, como a taxa anual para a renovação da CRLV;
  • contribuições: podem ser cobradas sobre um determinado grupo ou sobre uma atividade (como INSS) ou quando há benefício à propriedade de um contribuinte. Não há uma contribuição entre os tributos de caminhões listados.

Ainda há outros tipos que não dizem respeito aos caminhões. Além disso, multas, inspeções e DPVAT não se enquadram como tributos.

Conte com a tecnologia

Não é viável gerenciar os tributos dos veículos manualmente, já que o trabalho manual está suscetível a erros de cálculo e atrasos. Por isso, é recomendável usar uma solução desenvolvida especialmente para lidar com tributos.

Escolha um bom contador

Por fim, como a legislação é complexa e está em constante mudança, é preciso contar com o apoio de um contador. Esse profissional tem o conhecimento técnico necessário para evitar riscos e garantir a regularidade dos caminhões.

Há alguns cuidados que ainda devem ser tomados, como assegurar que o pagamento de impostos seja feito no valor correto, dentro do prazo e de acordo com as regras do estado. É possível delegar essa burocracia para uma empresa parceira que oferece soluções que auxiliam os proprietários a cumprirem as suas obrigações e em outros aspectos do veículo.

Quer garantir a regularização de seus veículos? Entre em contato conosco e saiba já como podemos ajudá-lo nesse objetivo!

suvesa mercado shopsPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.