Viagens de longa distância: descubra como se preparar corretamente

7 minutos para ler
spotify scaniaPowered by Rock Convert

Tanto para os caminhoneiros quanto para os gestores das frotas, a realidade logística pode ser bem estressante. Afinal, é de suma importância que esses profissionais saibam elaborar bons planejamentos, garantindo a eficiência das operações de transporte. Por isso, dedicamos este post ao tema, elencando as melhores dicas de preparação para viagens de longa distância.

Assim como já fizemos em nosso artigo especial com as melhores músicas para pegar a estrada, o nosso objetivo, aqui, é garantir que os nossos leitores estejam aptos ao trabalho, conciliando tranquilidade, segurança, agilidade e economia. Portanto, sem mais demoras, acompanhe!

A importância do planejamento antes das viagens de longa distância

Antes de qualquer coisa, é muito importante que se reconheça o papel de um bom planejamento. Em nossa visão, planejar é antecipar, prevenir e cuidar — todas práticas essenciais para quem trabalha nas rodovias brasileiras. Afinal de contas, o caminhoneiro precisa lidar com uma série de desafios ao longo do trajeto, tais como problemas mecânicos, perigos eventuais e a péssima qualidade das estradas.

Para que todas essas situações sejam evitadas, ou, pelo menos, antecipadas, é fundamental que se trabalhe com o planejamento da viagem, analisando todos os detalhes, as etapas, os procedimentos, os intervalos e os gastos durante a operação. Assim, o profissional terá a certeza de que realizará um frete mais previsível, rentável e eficiente, minimizando as chances de lidar com surpresas desagradáveis.

As melhores dicas de preparação para viagens longas

Então, chega o momento de conferir as melhores práticas para o planejamento das suas viagens. Como você perceberá abaixo, as dicas focam diferentes pontos — algumas privilegiando a eficiência operacional do frete, outras, o condicionamento físico do próprio motorista. Veja!

Pesquise, estude e defina um itinerário

É, muito provavelmente, a mais importante de todas as dicas, pelo menos do ponto de vista logístico. Aqui, a nossa recomendação é para que você dedique certo tempo para a roteirização da jornada, analisando todos os postos de parada entre o seu ponto de saída e o destino.

Com essa abordagem, você aumenta a previsibilidade da viagem, evitando pausas aleatórias em postos desconhecidos. Conhecendo o roteiro, você escolhe as melhores rotas, estuda o número de pausas que serão necessárias e já define cada um desses pontos no seu sistema de GPS, que pode estar acoplado no caminhão ou, até mesmo, no seu telefone celular.

Considere a sua alimentação

Normalmente, viagens de longa distância são maratonas de energia, exigindo muito do motorista em questão. Por isso, é importante que você considere as suas refeições durante o planejamento, identificando onde, o que, quando e com que frequência precisará comer na estrada.

Com isso em mente, você antecipa a compra de alguns lanches para deixar na cabine, eliminando a tentação de uma parada não planejada. Para além disso, predefinir pausas e intervalos para descansos, refeições e necessidades também aumenta a previsibilidade da viagem, fazendo com que você tenha uma estimativa de chegada mais confiável.

Realize uma revisão completa do caminhão antes de partir

Essa é não apenas uma dica, mas uma obrigação moral do profissional da estrada. Como está claro para todos, caminhões são máquinas tão úteis quanto potencialmente perigosas, bastando estar nas mãos da pessoa errada para que uma catástrofe aconteça.

Por isso, é muito importante que, em um ato de responsabilidade e autopreservação, você leve o veículo para a oficina, realizando um check-up completo de sua saúde mecânica. Assim, você garantirá que todos os sistemas de segurança, tração e estabilidade estejam em plenas condições, operando com a certeza de ter uma máquina segura e sob controle.

Equilibre a distribuição de peso da carga

Eventualmente ignorado, esse é um ponto que merece a atenção de todos os caminhoneiros. Como você já deve ter notado, o peso extra deslocado tem uma influência direta sobre o comportamento dinâmico do veículo — principalmente quando falamos de cargas desproporcionalmente grandes ou mal posicionadas.

Por isso, você deve minimizar esse prejuízo à dirigibilidade ao acomodar a carga da maneira mais coerente possível, distribuindo o peso de maneira equilibrada ao transportar uma série de objetos com volumes, quantidades e massas variadas. No fim das contas, isso contribui para que você tenha uma condução mais fácil, com uma trajetória linear, reta e previsível.

Verifique a documentação quantas vezes for necessário

Sem sombra de dúvidas, transportar cargas não documentadas é pedir para ter problemas. Logicamente, não são todos os casos em que o profissional age de má fé, de maneira que existem vezes em que o simples esquecimento pode lhe causar problemas com a fiscalização.

Para evitar essa situação constrangedora e inconveniente, lembre-se de checar a papelada do frete quantas vezes for necessário para se certificar de que está tudo em ordem. Com a mente tranquila, os documentos reunidos em uma pasta e o caminhão em dia, você está com tudo pronto para levantar o acampamento e pegar a estrada.

Valorize o seu condicionamento físico

Viagens longas drenam muita energia dos caminhoneiros e, por isso, é importante que você aposte em soluções eficientes e saudáveis para energizar o seu corpo. A primeira delas é uma boa noite de sono, sendo indispensável que você esteja plenamente descansado (no mínimo, 7 horas) antes do primeiro dia de estrada.

Para além disso, vale lembrar a importância do alongamento durante a própria jornada, pois existirão momentos em que o corpo atingirá a estafa completa, e você precisará esticar seus músculos, garantindo a boa oxigenação e a circulação de sangue em todas as partes do corpo. Por isso, é interessante integrar os alongamentos às pausas anteriormente citadas.

Planeje soluções contra o tédio

Talvez, você ache essa dica curiosa. Afinal de contas, trânsito não é lugar de sono e nem de distração. Mas, nesse caso, o que fazer? Bem, a nossa dica é para que você aposte nos conteúdos de áudio para romper a monotonia das estradas.

Escutando algum material de qualidade, você se mantém entretido o suficiente para afastar o sono, mas focado o bastante para continuar atento à estrada. Ainda que o mercado esteja repleto de soluções de entretenimento para cabine, não podemos recomendar a utilização dessas com o caminhão em movimento, já que conteúdos visuais são muito mais distrativos e potencialmente perigosos.

Por fim, vale, mais uma vez, ressaltar a importância da manutenção do veículo. Afinal de contas, a integridade do seu caminhão é determinante na hora de salvar vidas, seja a sua, seja a de terceiros. Por isso, nunca negligencie esse fator, obedecendo aos procedimentos preventivos e periódicos de segurança.

Você gostou deste conteúdo dedicado ao planejamento das viagens de longa distância? Então, não perca a oportunidade de se tornar um profissional ainda melhor, conferindo o nosso post sobre a meditação e descobrindo como essa técnica ajuda na rotina do caminhoneiro

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.